Follow by Email

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

I'm back!

After more than 6 months without showing up, here I am.

Sorry all you guys that tried to access my blog and found it closed. Many things happened since the last time I wrote and I will try to update you all about it. =)

First of all, I gotta say that I am back to USA. After 3 months trying to find a job in Brazil and being miserable for missing my kids, I decided to come back to my host family. Just started the process to change my status and become a student here in USA. Hope everything goes ok. If things work out I will be studying Culinary Arts and I am really excited about it.

I never thought that I would end up spending that much time in USA, but life is full of surprises. It's really hard not to be near my family, but it's hard to be far from my host family as well.

Right now, I am living one of the happiest moments in my life. After two years and a half in USA I had a chance to meet a real special man that makes me happy every single day since I met him. I always felt like I would never find someone like him and suddenly it looks like that everything I've always dreamed of is becoming true.

Sorry about the horrible English. I usually write my posts in Portuguese, but since I was also talking about him, I thought it wouldn't be fair not having it in English ;P

Hope you guys are doing fine.

Be back soon,

Zizy.

domingo, 3 de janeiro de 2010

Primeiro post depois da volta / Primeiro post do ano =)

Antes de mais nada:

FELIZ ANO NOVO!!!

Poxa, mil desculpas por ter demorado tanto pra postar. Acho que tem muita gente que fica curiosa pra saber como foi a volta, o que encontrei aqui, os amigos, a família, a re-adaptação. Enfim, finalmente eu tive tempo pra vir aqui contar como foi tudo isso. Não sei ainda se vou continuar a postar, porque o blog mais ou menos que perde o propósito, uma vez que não sou mais Au Pair. De qualquer maneira, vou mantê-lo porque sempre tem alguém querendo saber algo sobre essa experiência maluca.

Cheguei no Brasil dia 4 de dezembro. Cinco malas, MORRENDO de medo da alfândega, apesar de ser tudo coisas de uso pessoal, mas deu tudo certo. Um funcionãrio do avião me ajudou a levar minhas malas e a alfândega nem me parou. Graçcas à Deus. O problema é que em dois anos nos eua, a gente junta mesmo MTA COISA. Mandei também duas caixas do tamanho de um fogão cada por navio, e já chegaram direitinho.

Vivi, outra amiga au pair, tb usou a mesma empresa. Assim como a Luana, que morava na mesma casa que eu nos EUA. Recomendo essa empresa pra quem precisar. O nome é FAST WAY MOVING. Nossas coisas chegaram em perfeito estado. Tudo foi retirado da nossa casa nos eua e chegou na nossa casa aqui no Brasil, sem maiores problemas, no prazo.

Enfim, voltando ao meu retorno, rs. No final do ano, éramos três au pairs na nossa casa. Luana, Joyce (que veio para me substituir) e eu. Minha host gostou da experiência de ter 3 au pairs e me pediu para voltar, assim continuariamos sendo três. E eu ficaria lá por mais seis meses.

Cheguei no Brasil com entrevista do visto marcada e, na semana seguinte, consegui meu visto. Ficamos todos felizes, inclusive minha host family. O problema foi que a Lu, resolveu renovar apenas por seis meses e, se eu voltasse por mais seis meses, as crianças iriam perder nós duas ao mesmo tempo. E minha host não queria que eles passassem por isso.

Então eu tinha duas escolhas: voltar por um ano ou não voltar. Escolhi não voltar. E vou explicar porque: Sou formada e pós graduada, fiz pelo menos 8 cursos na minha área nos EUA, tenho um inglês consideravelmente bom e agora, acredito que preciso pensar na minha carreira. Mais de dois anos como au pair, seria passar muito tempo fora do mercado de trabalho. Eu estava disposta a ficar mais 6 meses fora desses mercado, um ano para mim, seria demais.

Enfim, tudo está bem entre minha host family e eu. Falo sempre com as crianças por camera e com meus hosts por email. E estou feliz com minha decisão.

Sobre o retorno em si, ao contrario de muitas meninas, foi maravilhoso!

MEUS AMIGOS ME ACOLHERAM DE TAL MANEIRA QUE NEM EU MESMA IMAGINAVA.

Desde que eu cheguei, e isso já vai completar um mês, eu não passei UM DIA SEQUER, sem um amigo por perto. Eles ligam, vêem me visitar, me buscam, me levam pra casa deles, me levam pra sair, é maravilho estar perto deles de volta. Estou mto, mto feliz.

Minha família têm feito de tudo também para me ver feliz. E tem a pró-vida tb! Ter voltado a frequentar lá não tem preço! Não aguentaria mais um ano.

Eu posso dizer que cada dia meu aqui no Brasil, desde que voltei, está sendo abençoado de uma maneira que nem eu mesmo imaginei que seria.

Claro que deixei nos eua pessoas que se importam comigo, que me amam e que farão parte da minha vida pra sempre. Mas aqui, eu tenho isso elevado ao quadrado ou multiplicado por mil pra ser mais sincera.

Meus amigos dizem, nossa não parece que passamos dois anos separados, parece que vc sempre esteve aqui, que saiu ontem e voltou hoje. E é exatamente assim que me sinto sobre eles. E sobre minha família.

Agradeço à Deus pelos anos maravilhosos que tive nos EUA, mas agradeço ainda mais por ter a chance de voltar para um lugar ainda mais maravilhoso, mais cheio de amor, mais cheio de alegria!

Enfim, meu ano não poderia ter começado melhor! Minha virada foi divina! Espero que a de vcs tb!!

Boa sorte à todos e feliz 2010!