Follow by Email

quarta-feira, 14 de novembro de 2007

Desabafo

Nunca pensei que seria tão difícil... Na verdade, até tinha uma idéia, mas pensei que a pior parte era conseguir o dinheiro para ir e os pré requisitos para o programa. Mal sabia eu que essa seria a parte mais fácil. As coisas se encaminharam de tal maneira que, quando vi, já estava inscrita em uma agência, apenas esperando família para embarcar... E é nesse ponto que as coisas realmente começaram a ficar difícil.

Ao contrário do que todos pensam, eu não fui tão exigente assim como falaram. Recusei apenas poucas famílias das muitas que apareceram, as outras não me quiseram mesmo. Dentre as que eu recusei, estavam: uma que exigia que eu trabalhasse 50 horas por semana sem pagar extra; outra em New Jersey na qual, além de ficar sem carro, eu cuidaria de três crianças, uma delas com special needs, outra família ainda com três crianças sem carro e sem pc em um lugar tão longe que nem me lembro onde era... E umas duas com newborn and mom at home. Mas que não chegaram a entrar em contato, eu apenas pedi pra CC tirar no meu dossiê pq nunca cuidei de newborn na vida e realmente não me sinto segura.

Enfim, depois de mtos problemas com a CC, mudei de agência e realmente acreditei que as coisas seriam mais rápidas pela APC. Mas não foi bem assim. Faz mais de um mês que estou on line e, apenas uma família entrou em contato, mas não me quis porque eu tinha alergia a pó e disseram que moravam em uma cidade, no Kansas, onde há muita reforma e pó por todo lado.

Ok... Next... Encontrei uma família no GAP que entrou na agência por mim... Eram da Georgia e, finalmente achei que viajaria. Mas não foi bem assim. Me queriam pra antes do natal e não dava tempo de chegar, por causa de toda a burocracia... Então... Ficaram com uma japonesa.

A Nathy ainda tentou me indicar para uma família, que não me quis pq tenho pouco tempo de direção, talvez seja esse o fator que esteja empacando o meu processo, não sei...

Só sei que estou muito cansada de tudo isso. Cansada desse processo todo, cansada de pensar que TODAS AS PESSOAS QUE DISSERAM PRA MIM: DUVIDO QUE VC VÁ podem estar certas. E eu me odiaria se isso fosse verdade. Pq esse sempre foi meu sonho. Parece até pecado vc querer estudar, sair do país, aprender uma nova lingua, enfim abrir horizontes para sua vida. Tem tanto gente sempre agorando. Umas que falam na cara e outras que vc sente que estão contra, por inveja, dor de cotovelo ou mesmo por maldade.

E é por tudo isso que eu estou extremamente fadigada com todo o processo. E claro, tem tb todo o dinheiro que minha tia e minha mãe já gastaram com isso e, principalmente, tem o ano todo de 2007 que praticamente dediquei a me preparar para esse programa: estudei inglês, tirei minha carteira de motorista, tirei meu passaporte, conversei com famílias, preenchi dois applications... É muita coisa para, no final, jogar no lixo.

Sabe... Eu sonho que achei família. Fazem três noites que sonho com isso. Em um sonho eu estou com a Nathy nos Eua, no outro estou cuidando de uma menininha e no outro estou vendo meu quarto pela primeira vez... Aí acordo e penso: hoje alguma família entrará em contato. Mas o dia passa e nada acontece. É tão frustrante.

Eu preciso muito encontrar uma família e espero que isso não demore a acontecer. Pq estou começando a ficar chateada com essa situação. Estou começando a ficar de saco cheio. Aliás, só não estou pior porque existem pessoas maravilhosas na minha vida, como a Nathy que sempre me apoia, sempre tem uma palavra amiga, de esperança e acima de tudo, está comigo nessa luta, fazendo o que pode pra me ajudar, e isso eu serei grata eternamente.

Ufa... É isso, falei... Rsrs. Espero que todo meu esforço e stress valha a pena e que eu encontre uma família boa com a qual possa passar um dos melhores anos da minha vida!

Beijos e até o próximo post.

3 comentários:

Janja disse...

heyyy...como diria meu amigo...nunca desista dos seus sonhos...eu sempre quis vir..mas nunca levei muita feh...e agora qm diria...estou aqui.... td na vida tem seu tempo...relaxa.. curta enquanto ta aqui...q logo logo vc vai estar aqui sentindo saudades de td isso!!

bju...e saiba q pode contar comigo sempre

Natalia Almeida disse...

oi amiga.. eu entendo tdo isso. E saiba q essa luta ai ne so sua nao, nem consigo imaginar o fato de vc nao ir e vc nao pode nem pensar nessa possibilidade. Saiba q aceitar que aqueles que dizem: DUVIDO, eh o mesmo que está concordando com ele q vc nao seria capaz. Tdo tem seu tempo, e se nao aapareceu a SUA FAMILIa ainda, é pq ela ainda vai aparecer. Nao se desespere, eu tbm tive muitas outras dores de cabeças, q vc sabe o quanto eu te aperriei e qts vezes disse q eu nao ia mais, pq eu nao TINHA APOIO de ngm, nem emocional nem financeiro, e agora eu ja posso dizer q conseguir, pq eu sozinha consegui o dinheiro e graças a DEUS a essas alturas minha mae esta me ajudando e meu pai ja nao esta ATRAPALHANDO o q ja um lucro. Axo q minha dificuldade foi toda no inicio e a sua esta sendo agora. MAs vai passar..e vai da certo.

QUEM DISSE q ia ser facil, nao eh???

bj
amu tu
ÂNIMO!!!

Analu disse...

Eu ainda estou aguardando aceite, mas sinto a mesma coisa. Eu tenho quase 1.000 horas de experiência, o que é ótimo comparado com outras meninas, mas eu fico com medo por causa da CNH. Alias, ultimamente só falo disso no meu blog. Se eu passar na prova pratica sexta feira, ainda sim minha carteira vai ser muito recente e isso vai acabar atrapalhando. Sabe, eu conheço o programa desde 2004 e sem duvida que as exigencias só estão aumentando. Antigamente, 90% das meninas só tinha 200hrs e tiravam carteira emcima da hora de viajar e mesmo assim conseguiam familias. Agora vc tem que ter um milhao de horas e carteira a zilhões de anos. As vezes eu me pergunto se não fomos nós mesmas que criamos essas exigencias.